Segunda-feira, 25 de Maio de 2009

Empreender para Beber

Ricardo Lopes Pereira | C 13

 

Sociedade Agricola da Quinta da Lagoalva

 

New York  |  Estados Unidos da América

 

Albert Einstein “Em tempo de crise, só a imaginação é mais importante que o conhecimento”.

 

A crise, sempre a crise

Que estamos em crise é por demais sabido, bem como que esta partiu dos Estados Unidos da América em direcção ao resto do globo. Pois claro, aqui na super potência estilhaçou-se o mercado de crédito e, consequentemente, rebentou a crise financeira redundando no final da colina, numa enorme bola de neve a entravar a paisagem. Duma forma simplista e geral, isto traduziu-se numa redução do poder de compra para maioria dos indivíduos, a confiança encolheu-se a todos os níveis de transacções e o desemprego tornou-se alpinista intrépido (só nos 2 primeiros meses de 2009 o número de novos desempregados nos EUA ultrapassou um milhão).

Em suma, tudo isto causou uma necessária alteração de estilos de vida; e por isto entenda-se uma crescente procura de bens substitutos menos dispendiosos.

É certo que existem planos de recuperação económica, mas estes são ainda uvas verdes esperando o momento certo da sua futura vindima. No entanto, até à data obscura dessa ansiada vindima, as pessoas continuarão a possuir dinheiro e a adquirir produtos.  Devido à situação actual, terão que ponderar as compras das suas marcas favoritas nos produtos de baixa implicação, substituindo-as muitas vezes por marcas de menor valor, tentando minimizar uma possível perda de qualidade.

 

As oportunidades

Neste mar de instabilidades, muitas empresas se debatem com vagas de procura de produtos diferentes daqueles oferecidos e em que a relação qualidade preço muitas vezes se sobrepõe ao valor de marca ou ao estatuto de qualidade. Precisamente por estas dificuldades em acompanhar as exigências repentinas dum mercado em si próprio ainda inseguro e instável, e também pelas muitas empresas que naufragam nesta difícil intempérie, surgem espaços nos mercados que se revelam excelentes oportunidades; caso se possua o produto trendy, claro está.

 

A glimpse over wines

Está provado que, em períodos de crise, seja pelo que for, as vendas de bens como tabaco e/ou bebidas alcoólicas tende a crescer. Contudo, o tipo de procura modifica-se, focando-se mais no preço competitivo. Especificamente no negócio do vinho, ate há bem pouco tempo o sinónimo de qualidade estava garantido numa marca italiana ou francesa; estes por sua vez aproveitavam posicionando-se com price points elevados.

Nos tempos que correm, o consumidor não dispensa a sua garrafa de vinho para o abençoado jantar de sexta-feira. Todavia, por forçosa necessidade, o price point decaiu na sua mente até cerca de 12 USD, e será isso que agora procurará tentando preservar a qualidade do que consome.

É aqui, nesta nova procura, em que há espaço no mercado e simultaneamente disponibilidade do consumidor para experimentar algo diferente, que os vinhos do Chile e da Argentina, e mais recentemente os portugueses, têm emergido como uma nova força. A aposta na relação qualidade preço vem surtindo o seu efeito, sendo que os vinhos portugueses começam a conquistar terreno. O facto de Portugal ser uma das potências mundiais na produção de vinho, com uma longa e vasta tradição mas, simultaneamente, apresentando vinhos de óptima qualidade a preços muito competitivos nos EUA representam vantagens para a penetração neste mercado.

  

O que faz falta

Porém, ocorre ainda que os nossos vinhos não são muito conhecidos. É agora tempo de disseminar o produto. Ter o produto certo nunca basta, é preciso vendê-lo, naturalmente, dá-lo a conhecer, promovê-lo criativamente. E isso cabe não apenas aos importadores e distribuidores nos EUA, mas implica também uma sólida participação das companhias produtoras, com representantes no terreno e conhecimento de mercado que permita alcançar uma posição sólida de referência. 

tags: ,
publicado por visaocontacto às 20:19
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Fevereiro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
24
25
26
27
28

.Artigos recentes

. NOVO LOCAL

. Vila do Bombarral recebe ...

. Empreendedorismo Contacto...

. Encontrão C3

. Contacto 13, solidário em...

. Carreiras: Rui Cristo (C1...

. Existências - Expo de Pin...

. Um pequeno gesto... Um gr...

. Mensagem de Natal

. Os contactos continuam a ...

. PROGRAMA CONTACTO - algun...

. Início do Contacto 14

.Edições

.tags

. todas as tags

.Contador

Amazing Counters
Oriental Trading Coupons

.Mapa Mundo

Locations of visitors to this page
blogs SAPO

.subscrever feeds