Segunda-feira, 1 de Junho de 2009

Pequenos homens com grandes ideias

Pedro Leite |  C13

 
  Global Wines
 
  China
 

Tudo começa com o friozinho na barriga quando se ouve China, no último dia do campus em Lisboa.

Então, depois de tantos dias de dúvida, vou para o outro lado do mundo? A Resposta era China.

A curiosidade era tal, que só pensava nas palavras da minha mãe: Não me importo que vás para qualquer parte do mundo….menos a China! Acertou em cheio!

 

Das palpitações sentidas na partida até ao entusiasmo da chegada ao Continente Chinês foi um passo.

Os medos tornaram-se desafios e Macau transformou-se na minha casa.

Descobri, pouco a pouco, que a China é o País mais seguro onde já estive e sem dúvida o mais bonito e misterioso.

Descobri que o livro de instruções “Bem-vindos à China” não ajuda.

Descobri que o tempo passa rapidamente e é preciso mais do que um tempo para apreciar toda a cultura que nos invade diariamente.

A sua beleza é tal, que viver deste lado assegura-nos dias de perplexidade constante, a cada momento, dando-nos a sensação de que vivemos numa película de um qualquer realizador chinês.

Na China, a cultura e o respeito são valores que se superiorizam a todos os outros.

 

Quando falamos em 1.3 biliões de chineses e de potenciais consumidores, falamos inevitavelmente das suas relações e da sua cultura.

Os chineses são um povo que gostam do exercício, da natureza e do culto da saúde.

Adoram passear e fazer compras nas feiras das cidades onde vivem. Regatear preços é uma forma de convívio e não deve ser encarado com forma de enganar os Ocidentais. É apenas mais um jogo de equilíbrio.

Desde o nascer do sol até o anoitecer, todo o mundo parece concentrado aqui, é a hora dos chineses, é a hora das compras, é a hora de produzir. E como se pode viver em crise, quando se produz para o mundo?

 

Olhando com atenção percebemos que as ruas aqui têm apenas um sentido. O sentido do trabalho árduo e da vontade de vencer. É o desejo que cada chinês, vencer através do Just business, numa filosofia tão própria que só é entendível para quem aqui permanece.

Aqui encontra-se de tudo. As fábricas tudo produzem e os mercados tudo vendem e, geralmente, é regra dos chineses, quando mais fresco, melhor!

As relações entre chineses são estranhas, o tacto está proibido e os beijos excluídos. Apenas o aperto de mão é aceite como forma de apresentação formal.

As conversas são de circunstância, até com os melhores amigos. Fica a sensação que estamos sempre no elevador a perguntar como está o tempo.

A família é assunto tabu. Respeitam a distância e as perguntas incómodas.

 

Talvez o mais importante que aprendi, é que eles marcam o ritmo. Não vale a pena forçar os chineses quando o objectivo é estabelecer relações e criar negócios. Pois eles têm o seu próprio cronograma.

Os chineses são muito reservados, cortam nas conversas, mas deixam sempre uma porta aberta. São tímidos mas saem à rua de pijama (sinal de abastança e de que se dorme em camas confortáveis).

Embora se afirme que os sorrisos chineses são donos de uma falsidade acrescida, no meu entender, os chineses com quem tive o prazer de lidar, adoram sorrir e brincar, demonstrado prazer e alegria.

 

Outra nota importante é não levar a mal quando nos empurram do elevador para fora, entendi sempre isto como um sinal de cordialidade. Pois eles não fazem ideia da força que usam para ceder a passagem.

 

A importância da mesa e da gastronomia nacional nas diferentes regiões é mais importante na China do que em qualquer outro lugar.

Comer arroz ou vegetais é motivo de orgulho! E regionalismos não se aplicam quando a hora é de sentar à mesa.

Os chineses gostam de jantar em conjunto e, quantos mais, melhor. Para ocasiões especiais alugam salas privadas, pois não gostam de pedir pratos caros ou beber o melhor vinho do restaurante na presença de estranhos, com medo de serem contestados (isto prova a teoria de timidez e preocupação social).

Uma coisa muito importante na China é o respeito pelos mais velhos. Estes devem ser tratados com o devido respeito, fruto da idade e do saber conquistado.

É imperativo baixar sempre o copo quando brindamos com pessoas mais velhas ou mais experientes, colocar o copo numa altura superior da pessoa com quem brindamos é sinal de desrespeito.

 

Cada vez mais, o processo de aculturação para um Ocidental tende a aligeirar-se devido à rápida abertura da China ao mundo. Novos hábitos, novas ideias e novas formas de convívio são cada vez mais bem-vindas.

E, embora me pareça que estamos perante um povo ainda pouco moldado, os chineses têm uma força que assusta.

 

A China que, outrora foi exportadora, obtendo um rápido crescimento económico vendendo para os EUA, assume hoje uma realidade bem diferente.

Estando esta ânsia compradora americana mais calma, a China já investe 45% da riqueza produzida, sobretudo em Infra-estruturas.

As taxas de crescimento de dois dígitos para uns possíveis 8%, não assustam. É imperativo assegurar a saúde, o trabalho, a segurança social e a distribuição da riqueza/oportunidades a todos, relançando o consumo interno. Mas o campeonato do crescimento parece mais direccionado para uma presença ainda mais forte do estado na economia.

 

Em suma, devemos perceber que estamos perante uma terra de pequenos homens com grandes ideias e que a China é uma terra de cerimónias e propriedades. E quem respeita as boas maneiras são os mais capazes e os detentores de um coração puro e bondoso.

 

É assim deste lado, centenas de contradições num local que aspira a ser o pulmão económico do mundo onde vivemos.

 

China is the spring when the world is in the winter...

publicado por visaocontacto às 12:07
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Fevereiro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
24
25
26
27
28

.Artigos recentes

. NOVO LOCAL

. Vila do Bombarral recebe ...

. Empreendedorismo Contacto...

. Encontrão C3

. Contacto 13, solidário em...

. Carreiras: Rui Cristo (C1...

. Existências - Expo de Pin...

. Um pequeno gesto... Um gr...

. Mensagem de Natal

. Os contactos continuam a ...

. PROGRAMA CONTACTO - algun...

. Início do Contacto 14

.Edições

.tags

. todas as tags

.Contador

Amazing Counters
Oriental Trading Coupons

.Mapa Mundo

Locations of visitors to this page
blogs SAPO

.subscrever feeds