Sexta-feira, 25 de Dezembro de 2009

Um pequeno gesto... Um grande sorriso!

 

Marta Botelho | C13

Pengest / Consultec

Maputo | Moçambique

 

 

O dia começou cedo e o Domingo prometia ser diferente...

Íamos visitar o Orfanato de Conhane que fica no Chokué, a 240 km de Maputo. É importante explicar que 100 km em Moçambique não são iguais a 100 km em Portugal. Parece estranho, mas a verdade é que 100 km em estradas esburacadas, com pessoas que a atravessam surgidas do nada (e nada aqui significa mesmo nada), chapas e machimbombos apinhados que se movem numa condução maluca e imprevisível, camiões com grande diversidade de carga e em larga escala acima do considerado possível, são 100 km que soam a 200 e que duram, duram e duram (como as pilhas...)! Tudo isto torna, ao mesmo tempo, o percurso muito interessante e uma surpresa a cada curva.

Passadas quase 3 horas de viagem e conversa animada sobre tudo e nada as expectativas eram grandes sobre o que iríamos encontrar.

A recepção foi calorosa ao som de músicas cantadas pelas crianças e pela Irmã Isaura. Mana Marta cantou e dançou tentando acompanhar o ritmo africano que lhes corre no sangue (não é nada fácil!).

Além das danças e das cantigas, brincámos, jogámos à bola, montámos um baloiço, pintámos e contámos histórias. Foi um dia especial para eles e ainda mais para mim.

 

 

As crianças tinham várias idades e muitas marcas escondidas por trás de um sorriso rasgado. As histórias variam mas todas elas são tristes até terem sido acolhidas na instituição. Algumas delas foram entregues pelos pais que não têm dinheiro para as sustentar, outras foram encontradas abandonadas na rua, outras são órfãs da SIDA. Num país onde a esperança média de vida ronda os 41 anos, a pobreza extrema é uma realidade muito presente com 70% da população a viver abaixo do limiar da pobreza e em que a percentagem de pessoas infectadas com o vírus da SIDA varia entre 18 e 27 %, é inevitável que o número de crianças órfãs cresça a cada dia.

Há várias instituições portuguesas (www.umpequenogesto.org), a actuar em Moçambique com o objectivo de promover a melhoria das condições de vida de crianças desfavorecidas e suas famílias. Através de projectos de apadrinhamento, onde se liga uma criança Moçambicana a um padrinho/madrinha Português, é possível ajudar nos gastos com a alimentação, vestuário, transporte, medicamentos e despesas hospitalares das crianças. Mais do que uma ajuda financeira, todos os padrinhos são incentivados a entrar em contacto com os seus afilhados, a estabelecerem uma relação. Para além de alimento, estas crianças estão sedentas de carinho e atenção.

E porque tivemos o privilégio de nascer e não aqui, porque tivemos oportunidades que nenhum deles nunca terá, porque podemos ajudar e acima de tudo porque...


 

 

...com um pequeno gesto podemos proporcionar um GRANDE sorriso!

As crianças agradecem:

 

 

 

Kanimambo, Obrigado!”

 

 

 

 

publicado por visaocontacto às 08:53
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Fevereiro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
24
25
26
27
28

.Artigos recentes

. NOVO LOCAL

. Vila do Bombarral recebe ...

. Empreendedorismo Contacto...

. Encontrão C3

. Contacto 13, solidário em...

. Carreiras: Rui Cristo (C1...

. Existências - Expo de Pin...

. Um pequeno gesto... Um gr...

. Mensagem de Natal

. Os contactos continuam a ...

. PROGRAMA CONTACTO - algun...

. Início do Contacto 14

.Edições

.tags

. todas as tags

.Contador

Amazing Counters
Oriental Trading Coupons

.Mapa Mundo

Locations of visitors to this page
blogs SAPO

.subscrever feeds